Amenília Luiza de Araújo

Coração de Jó
TRAILLERFILME
  • SINOPSE

Nasceu em São Miguel dos Campos-AL. Chegou em 1933, com três anos de idade, para morar no Sítio Oitizeiro e  ali a menina cresceu, brincou, dançou, trabalhou nos roçados de variadas plantações. Teve de sua mãe e de seu pai, ensinamentos comportamentais idôneos. Lá casou – se e viveu às dificuldades inerentes da época: Repleta de amargores, mas, abundante em esperanças!

Dançar na juventude era o que mais gostava de fazer!
Buscar água em uma fonte aos pés da ladeira da Baixa do Capim, eram uma constante na vida desta mulher de fibra e admirável!
Em 1980, foi morar em Caititus, em uma  casa centenária, construída na década de 1910, por José Francelino de Albuquerque, e nos anos de 1920, ali foi instalada uma das primeiras bodegas da Vila de Arapiraca, mais tarde foi vendida para  Dona Ritinha e Antônio Higino, e por décadas foi um  dos comércios mais tradicionais e longevos deste município.

Menilia, fez amizades por onde passou, entre os seus amigos estão os saudosos: deputado Nezinho, Dona Paula, Nascimento Leão, Herbene Melo e outros dos variados momentos de sua vida.
Além de agricultora, trabalhou na Magnú e na rede pública educacional.
O amor por seus filhos e netos. A saudade dos que já partiram;  o xerém; o fubá de milho; a pequena cidade na década de 1940, estão impregnadas em sua memória.
Disse Francisco Otáviano:
“Quem passou pela vida em branca nuvem
E em plácido repouso adormeceu,
Quem não sentiu o frio da desgraça,
Quem  passou pela vida e não sofreu,
Foi espectro de homem, e não homem,
Só passou pela vida, não viveu” .

Com uma simplicidade auto expressiva, Amenília Luiza de Araújo  (Dona Menília), tornou-se uma das Raízes de Arapiraca. Eternamente viva, em nossas memórias!

  • FICHA TÉCNICA

Idealização e Direção:
Ricardo Nezinho

Entrevistado:
AMENÍLIA LUIZA DE ARAÚJO
(DONA AMENÍLIA)
Data de nascimento 29 de ABRIL de 1930

Entrevistador:
Aldo CS
José Sandro da Silva

Local de Gravação:
Caititus – Arapiraca/AL

Data da Gravação:
Quinta 03 de janeiro 2019

Revisão Editorial:
Davi Salsa

Historiador:
José Sandro da Silva

Produção Executiva:
Ricardo Nezinho
Sandro Ferreira
Aldo CS
Davi Salsa
José Sandro da Silva

Diretor de Produção:
Aldo CS

Filmagem e Fotografia:
Sandro Ferreira

Edição e Animação:
Egmar

Técnico de Som:
Sandro Ferreira

Projeto Gráfico:
Aldo CS

Colaboradores:
Isve Cavalcante
Bruno Nunes
Suely Mara Lins
Victor Valentim
Manoel Angelino
Fábio Barros

Projeto Gráfico
Duende CS

Trilha de Abertura:
Marcos Sena
Jovelino Lima

Artista Plástico:
Marcelo Mascaro

Produtora:
Raízes de Arapiraca
www.raízesdearapiraca.com.br
www.ricardonezinho.com.br

0 comentários