José Pereira Neto

Paixão por Arapiraca
TRAILLERFILME
  • SINOPSE

Nasceu em Viçosa, a Atenas alagoana, veio ainda criança para Arapiraca ao lado de seus familiares. Ficou encantado ao chegar a nossa cidade, mesmo sendo tão pequena, na década de 1950. Foi amor tão gigante como o gigante amor que sente pelo Asa. Mesmo morando em Maceió, nem um só instante deixa de pensar em sua terra do coração. É emocionante sua descrição afetiva. Chega a ser igual a do grande poeta romântico nacionalista Gonçalves Dias, em sua célebre Canção do Exílio. O arapiraquense mais arapiraquense de nossa terra! É de uma energia espetacular. Suas lembranças estão vivas e vigoradas. É um espetáculo seus argumentos bairristas. É um dos grandes nomes de nossa terra. Lutou com provas e argumentos e fez a FAF reconhecer o título do Asa de 1953. Recebeu o título de cidadão honorário de Arapiraca, no ano de 1998 ofertado pela Câmara Municipal de Arapiraca – um dos motivos de maior alegria que já teve em sua vida. Homem grato e sábio. Sua vida é um exemplo de virtudes! Bancário aposentado, advogado, professor, esposo, pai, amante do Asa e de Arapiraca. Para ele, a família é tudo na vida, e a fé inquebrantável em Deus sem limites.  Quando chegou nesta terra, para ele estava no céu. Por tudo isso que fez e faz pela terra de Manoel André, é que José Pereira Neto, Prof. Pereira, tornou-se uma das Raízes de Arapiraca.

  • FICHA TÉCNICA

Idealização e direção Ricardo Nezinho | Entrevistado José Pereira Neto, nascido em 29 de Outubro de 1943 | Redação e entrevistador Davi Salsa |  Local da gravação Maceió – Alagoas | Data da gravação 13 de Julho de 2017 | Revisão editorial José Sandro | Produção executiva Ricardo Nezinho, Sandro Ferreira, Willian Bezerra, Aldo CS, Davi Salsa | Diretor de produção Aldo CS | Filmagem Sandro Ferreira | Edição Willian Bezerra | Técnico de som Sandro Ferreira | Colaboradores Isve Cavalcante, Patrick Farias, Suely Mara Lins Melo | Projeto gráfico Aldo CS, Willian Bezerra | Designer gráfico Aldo CS, Patrick Farias | Trilha de abertura Marcos Sena, Jovelino Lima | Artista plástico Marcelo Mascaro

1 Comentário

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *